Quem sou eu

Minha foto
Bom, me chamo Leonardo, tenho 21 anos, tenho distrofia muscular, eu escrevo com o intuito de poder de alguma maneira poder passar alguma mensagem positiva do que ja vivi e o que vivo diariamente. Escrever aqui me ajuda muito, espero que o que escrevo ajude quem lê também.

sexta-feira, 1 de agosto de 2014

 Eu não entendo porque algumas pessoas agem como se elas fossem as únicas que tem problemas na vida. Hoje pela manhã, fui no centro da cidade, com minha mãe e irmã, subi no ônibus e tinha um rapaz sem a perna, sentado no espaço da cadeira de rodas... O cobrado pediu algumas vezes pro cara sair e nada, depois de um tempo, ele saiu e sentou em outro lugar, mas ficou resmungando e falando coisas indiretamente pra mim, como " ele tá numa cadeira toda automática, por que eu tenho que dar lugar pra ele?" Não gosto de ficar me estressando, mas tive que falar umas verdades, bom, ele poderia escolher qualquer outro assento no ônibus, mas quis ficar ali, no único lugar onde eu posso ficar.
 Esse tipo de pessoa acha que eles são o centro de tudo, que tem o seus problemas e eles são piores que os de todo mundo. Como eu ja disse aqui, por mais que nossos problemas pareçam ruins, alguém sempre vai ter problemas piores, infelizmente.
 Enfim, fico triste com pessoas assim, mas acontece.

Nenhum comentário:

Postar um comentário